quarta-feira, 19 de setembro de 2012

LUIS GOES - A CANÇÃO DE COIMBRA

ADEUS, LUÍS GOES

Quero deixar aqui uma homenagem a uma voz da Canção de Coimbra que me iluminou, encantando-me, nos tempos da minha juventude académica e que tanto gostava de ouvir então, agora ... e sempre!
E que acabou de nos deixar na mais profunda saudade.
Descansa em Paz.
video


Eu tinha a graça de Deus
Até que um dia eu te vi
Eu tinha a graça de Deus
Até que um dia eu te vi
Por te amar perdi a Deus

Nasceu outra graça em ti
Eu tinha a graça de Deus
Até que um dia eu te vi.

Levou-te a morte até Deus
E fiquei só com a desgraça
Levou-te a morte até Deus
E fiquei só com a desgraça
Que pecados são os meus
Se não há luz que dê graça
Levou-te a morte até Deus
E fiquei só com a desgraça.

1 comentário:

  1. Pouquíssimo destaque foi dado a este facto. Pelo menos na imprensa online. Ou será engano meu? Ou o povo português é ingrato ou não tem memória. Ou, ainda, está mais interessado nos golos do C.Ronaldo. Estão juntos, agora, Zeca, Adriano, Paredes e Goes, provavelmente a rirem, lá em cima, da parolada que grassa aqui por baixo.

    São imortais estes senhores, mesmo ausentes ...

    Passe bem.

    ResponderEliminar