domingo, 9 de agosto de 2009

Mais do que sum símbolo.... um REI!!!


Antes de mais, quero fazer um agradecimente especial ao meu caro amigo Gil Vicente pela oportunidade de escrever e partilhar algumas escritas com os mais belos escritores Benfiquistas. É uma honra poder fazer, também, parte desta "família" dentro daquela que é a maior família de sempre... a Benfiquista.
Espero estar á altura e contribuir para um sucesso ainda maior deste cantinho.


Agora sim! Mais um jogo, mais uma vitória, mais um Troféu.
O meu Benfica está bem de saúde e recomenda-se. Desta vez, ganhamos ao poderoso AC Milan (1-1 no período regulamentar, 5-4 nas grandes penalidades; o primeiro golo da partida foi da autoria de Tacuara Cardozo), naquela que foi a segunda edição da Eusébio Cup.
Foi um grande jogo de futebol e o Estádio estava cheio e lindo, como sempre. Mais de 60 mil pessoas prestaram homenagem ao melhor jogador português de todos os tempos: Eusébio da Silva Ferreira. Uma homenagem digna e justa, de todo um Povo, uma Nação, a um Rei... a um Homem do Povo.
Na primeira edição da referida Taça, esta acabou para ir para Milão, mais propriamente para o Inter de José Mourinho.
Ontem foi diferente. Tínhamos, de certa forma, obrigação de ganhá-la. De jogar "à Benfica", "à Eusébio", para conquistá-la. Para isso, não bastava sermos maiores, teríamos de ser mais fortes que o AC Milan em campo, de mostrar todas as nossas "ganas de ganar". Enfim, para ganhar teríamos de ser superiores... e fomos! Fomos BENFICA.
À semelhança do que já tinha acontecido em alguns dos outros nove jogos que disputamos esta pré-época, entramos melhor que o adversário. Aliás, até poderíamos ter chegado, nos minutos iniciais, ao golo. Por isso, não foi com surpresa que chegamos à vantagem. A jogada do golo foi um dos exemplos das boas jogadas do colectivo. Após centro - eu diria - perfeito de Shaffer, Tacuara Cardozo, como "não perdoa", cabeceou para golo, sem hipóteses para o guarda-redes adversário.
As grandes jogadas continuavam, bem como os bons pormenores técnico/tácticos. O Povo vibrava na Luz, entre gritos e cânticos de incentivo e as famosas ondas mexicanas... vibravam de alegria as papoilas saltitantes, num misto de alegria e crença num futuro próximo risonho. Era a festa do povo. Era o Inferno da Luz. Isto é o Benfica, minha gente!!
Com o decorrer do jogo, cada vez ganhava forma a ideia de que a "Eusébio Cup" desta vez ficaria na Luz. Corria o dia, corria o dólar e o Benfica ganhava o poderoso clube italiano por 1-0.
No entanto, nos minutos finais, num lance de grande infortúnio, Sidnei marcou na própria baliza. Acontece aos melhores. Só não acontece a quem não está lá.
Com uma adversidade de última hora, o auto-golo, já todos pensávamos nos penalties. No formato desta competição não há tempo-extra, passando o jogo, assim, à marcação de grandes penalidades.
Um sufoco. Este tipo de resolução de um jogo é sempre (ou quase sempre) ingrato, acabando por ser uma sorte.
O Benfica foi marcando e falhando, bem como os italianos. Nós falhávamos, literalmente. Ou o remate saía por cima ou ao lado da baliza. Já os penalties marcados pelos jogadores do AC Milan era defendidos por Quim.
E por falar em Quim, o nosso guarda-redes estava inspirado, quiçá pelo ambiente fantástico que se fazia sentir. Nesta altura só me vinha à memória o conselho-chave do Rei Eusébio num Portugal-Inglaterra, no Estádio da Luz, a Ricardo, guarda-redes então da selecção nacional: "parte só quando a bola partir".
À semelhança do que aconteceu no final da Taça da Liga, Quim voltou a ser preponderante e, também, o herói da partida. Não é por acaso, é um excelente guardião.
A "Eusébio Cup" acabou, deste modo, por ficar na Luz. Avé, Rei Eusébio!!!



Nota: o Benfica cumpriu ontem o seu 10.º jogo. Foi a última partida da pré-temporada, começando, assim, para a próxima semana o campeonato. Advinha-se um campeonato duro, como sempre, com muita luta à mistura, mas algo que não seja superado com muito apoio, espírito de equipa, entre-ajuda e vitórias... muitas vitórias. Uma equipa com "raça, querer e ambição" para um "Benfica Campeão"!
O Benfica participou em quatro torneios, tendo ganho todos eles. Um bom presságio, portanto.

VIVA O BENFICA!!!

5 comentários:

  1. Lindo, Lindo, Lindo!!!

    Mui digno de uma muito Linda Princesa!
    Ditoso Coração Encarnado que tão Lindas Pérolas tem.
    As Pérolas dos que, em ti, plasmam o seu Enorme, Eloquente e Apaixonado Amor Benfiquista!

    Ó Benfica do meu coração! Deves sentir-te, tenho a certeza, em maravilhosa contemplação por teres uma tão Enorme Família que Tanta Devoção te Dedica e que Tanto Te Ama!

    ResponderEliminar
  2. Bem...o que dizer?????

    Simplesmente que está fantástico, como é timbre da nossa Princesa, Ana

    Este blog vai arrasar

    Fica bem
    .

    ResponderEliminar
  3. OLha...olha....olha quem aqui encontro.
    Nada mais nada menos que a minha querida PRINCESA DO AVE !!!!!!!!

    Isto aqui vai arrazar, vai...vai!!!!

    Bom, com o GIL,Lucifer,Margarida (a Rainha) e ANA (a Princesa) vai ser um campeonato de bem escrever em toda a tela!!!

    ResponderEliminar
  4. que dizer que já não tenha sido dito...

    è a nossa futura Advogada no seu melhor....

    Carrega Ana....com o teu fantastico poder de escrita, já faz tempo que me rendi aos teus artigos, dignos de serem publicados quiçá no nosso Glorioso Jornal....

    ..

    ResponderEliminar